CRISTÃOS COMEMORAM A PÁSCOA?


"Cristo, nossa Páscoa, já foi sacrificado por nós" 1Co 5.7up; JFA EC.

A Páscoa era uma das Sete Festas do sistema cerimonial que apontavam para os eventos na vida e ministério do Messias.

1. Festa dos Pães Ázimos - a vida sem pecado do Messias
2. Festa da Páscoa - a morte do Messias
3. Festa das Primícias - a ressurreição do Messias
4. Festa do Pentecostes - o dom do Messias à humanidade - o Espírito Santo
5. Festa dos Tabernáculos - a Segunda Vinda do Messias e a Nova Jerusalém
6. Festa das Trombetas - os eventos que antecedem e anunciam o Dia do Juízo
7. Festa do Dia da Expiação - o Dia do Juízo e o Ministério Celestial do Messias

Mas a Páscoa se cumpriu no evento do Calvário, com a morte do Messias, Jesus Cristo, deixando de existir.

A Páscoa hoje é um evento de Babilônia; é a Igreja Romana que comemora a Páscoa e ainda vincula o evento em seu calendário espúrio.

Comemorar a Páscoa é reconhecer a autoridade de Babilônia.

Comemorar a Santa Ceia e ver nesta cerimônia a festividade que aponta para o que Jesus fez, finalmente é participar do Israel Espiritual, o verdadeiro povo de Deus na Terra.

O texto de Paulo à Igreja de Corinto apelava aos crentes - "Lançai fora o fermento velho, para que sejais massa nova" 1Co 5.7pp. Comemorar a Páscoa é reconhecer que vivemos no 'velho homem' ou na lei cerimonial.

A 'massa nova' se constituiu na nova ordem instituída por Jesus; a nova vida que Ele instalou no crente e na história humana. Essa nova vida inclui esta livre do cerimonialismo que a Páscoa está incluído.

Cristãos não comemoram a Páscoa; judeus comemoram a Pessach; e católicos romanos se utilizam dela equivocadamente.

'Cristo é nossa Páscoa e já foi sacrificado' e se temos de comemorar algo, que seja a Ceia instituída por nosso Senhor Jesus - a Santa Ceia.

Nenhum comentário: