A ILUSÃO DA PÁSCOA


A Páscoa como é comemorada hoje é uma grande mentira.

Imagine, coelhos, ovos de páscoa, chocolate; essas coisas nunca existiram no contexto da antiga festa da Páscoa, a festa bíblica.

Cristãos participarem dessas coisas é uma negação da fé cristã. É uma perversão de algo tão significativo que se referia à morte de Jesus Cristo.

Hoje a Santa Ceia remete a antiga Páscoa. Mas transfigurar a antiga festa, mesmo que já tenha passado, em coelhos, ovos e chocolate é um sacrilégio.

O erro está tão misturado à verdade que os cristãos estão cegos e não conseguem discernir o que é correto.

A ilusão de contos imaginários são substituídos pela verdadeira história biblica.

Mentimos para os inocentes, iludimos nossas crianças nas escolas, e contamos mentiras, fábulas aos nosso filhos.

Sigamos o conselho da profecia - "rejeita as fábulas" 1Tm 4.6.

Mas não cumpramos a condenação da profecia - "Porque virá tempo em que não suportarão a sã doutrina; mas tendo grande desejo de ouvir coisas agradáveis, ajuntarão para si mestres segundo os seus próprios desejos, e não só desviarão os ouvidos da verdade mas se voltarão às fábulas" 2Tm 4.4

Não ensinemos fábulas aos nossos filhos; não incentivemos eles a acreditar em mentiras.

Toda vez que um ovo de páscoa é presenteado a uma criança, uma mentira é colocado em seu coração e uma fábula alcança sua mente.

Nenhum comentário: